Greve dos Correios paralisa entrega de correspondências, postagens e serviços bancários em Guaratinguetá - Jornal de Guaratinguetá

Greve dos Correios paralisa entrega de correspondências, postagens e serviços bancários em Guaratinguetá

11 de setembro de 2019

Centro de Distribuição dos Correios, no bairro Chácaras Selles, em Guaratinguetá

Os funcionários dos Correios entraram em greve por tempo indeterminado na manhã desta quarta-feira (11) em Guaratinguetá e todo Brasil. A categoria é contra a privatização. Além disso, busca reajuste salarial, entre outros benefícios. Cerca de 60% dos funcionários aderiram a paralisação no nosso município, até o presente momento.

De acordo com o SINTECT  (Sindicato dos Trabalhadores da Empresa Brasileira de Correios Telégrafos), a decisão foi tomada as 22h de terça-feira (10), com uma exigência para defender os direitos conquistados em anos de lutas, os salários, os empregos, a estatal pública e o sustento da família.

“A direção dos Correios, a mando do governo se negou a negociar com os trabalhadores. O próprio TST denunciou isso. Sua Vice-presidência convocou a empresa para negociar, mas ela se negou.

A intenção do governo e da direção da ECT é acabar com os benefícios da categoria. Por isso se negam a negociar o Acordo Coletivo. Os trabalhadores dos Correios foram empurrados a uma encruzilhada histórica: ou lutam ou perdem o que conquistaram em anos de batalhas duríssimas.

A direção da ECT e o governo querem reduzir radicalmente salários e benefícios para diminuir custos e privatizar os Correios. Entregar o setor postal a empresários loucos por lucro. Jogar no lixo o atendimento a todos os cidadãos, a segurança nacional envolvida nas operações, a integração nacional promovida pelos Correios. Infelizmente não restou alternativa”, disse o sindicato.

No ano de 2017, por causa da greve, várias pessoas fizeram filas no Centro de Distribuição dos Correios, no bairro Chácaras Selles, em Guaratinguetá, na tentativa de retirar suas encomendas. Esse ano provavelmente não deve ser diferente.

Clique AQUI e comente no Facebook do Jornal de Guará/Marcos Aurélio

www.jornaldeguara.com.br – A informação a um click de você