Médica pede demissão e deixa pacientes sem atendimento no Ambulatório de Saúde Mental « Jornal de Guaratinguetá

Médica pede demissão e deixa pacientes sem atendimento no Ambulatório de Saúde Mental

6 de dezembro de 2018

Pacientes que marcaram consultas para serem atendidos no Ambulatório da Saúde Mental, estão sem atendimento. Segundo os pacientes, os médicos que passaram por lá pediram demissão e as consultas tiveram que ser canceladas. A unidade está localizada, na Rua José Castro e Silva, no bairro Vila Alves, em Guaratinguetá. Paciente informa sobre.

“Sou paciente do Ambulatório da Saúde Mental de Guaratinguetá, porém esse ano de 2018 eu consegui apenas uma consulta em março, devido a médica que me atendia ter pedido as contas. Em seguida, entrou outra médica e acabei conseguindo marcar uma nova consulta para o final de dezembro, mas fui informada pelo atendente, na manhã dessa quarta-feira (05), que a outra médica pediu demissão também, ou seja, minha consulta foi desmarcada novamente. O atendente ainda me disse que estava ligando para outros pacientes para desmarcar as consultas.

Enfim, não temos médicos, e o pior de tudo, para conseguirmos medicamentos é necessário agendar um Clínico Geral, no Posto de Saúde do nosso bairro, para pedir a receita. É quase impossível de agendar um clínico, leva meses para sermos atendidos. Até quando a Secretaria da Saúde não vai tomar nenhuma providência. Difícil de viver em Guará”, disse Benedita Antunes.

Fomos informados também, que o único médico que presta atendimento na unidade está em período de férias. Até o fim desta reportagem, não tivemos informações sobre o motivo da médica ter pedido demissão.

Prefeitura se pronunciou

Informamos que dos três médicos que atendiam na Saúde Mental, dois pediram saída e não atuam mais no poder público. Foram repostos outros, mas que também saíram.

Diante destes imprevistos a prefeitura está trabalhando para repor o quadro, mas vale ressaltar que pacientes que precisam de atualização ou troca de receita com a mesma prescrição pode ser atendido por um clínico geral, fazendo o acolhimento ou mesmo fazendo agendamento no posto de saúde.

Clique aqui e comente no Facebook do Jornal de Guará