Início Notícias Guará Presidente Arilson descarta mudança de sede da Câmara Municipal para conter gastos

Presidente Arilson descarta mudança de sede da Câmara Municipal para conter gastos

536
Imagem: Ass. da Câmara – Presidente da Câmara, Arilson dos Santos em visita ao prédio tombado, no Centro de Guaratinguetá

O Presidente da Câmara Municipal de Guaratinguetá, Arilson dos Santos (PSC), que tomou posse no dia 01 de Janeiro de 2021, já vem se destacando com suas determinações nos primeiros dias do ano.

Segundo ele, está descartada a mudança de sede do Poder Legislativo que fica na Avenida João Pessoa, para o prédio na Praça Conselheiro Rodrigues Alves, no Centro.

Entenda: Há dois anos atrás, o Edifício Flamínio Lessa na região central estava abrigando a Diretoria Regional de Ensino que inclusive se instalou na antiga escola Dr. Flamínio Lessa. Em 2018, o prédio foi cedido  pelo Governo do Estado de São Paulo para uso da Câmara Municipal, com intuito de oferecer amplo espaço para atendimento à população e às atividades dos servidores, porém o atual Presidente do Legislativo determinou o cancelamento da transferência de um lugar para outro, para conter gastos.

Em uma entrevista a Rádio Pop de Aparecida, Arilson informou que fez uma visita ao prédio cedido pelo Governo Estadual e identificou que teria que executar várias restaurações. “Não temos condições financeiras para fazer essa restauração num prédio tombado como este. Gastaríamos cerca de 2 milhões para executar essas obras. Num período como esse que estamos atravessando, como iremos gastar um dinheiro desse montante para criar uma nova Casa de Leis em Guaratinguetá”, disse o presidente.

Sendo assim, o prédio da região central que era administrado pelo Governo do Estado de São Paulo pode ser devolvido ao Estado ou utilizado pela Prefeitura.

Clique AQUI e comente no Facebook do Jornal de Guará – www.jornaldeguara.com.br – A informação a um click de você